Deputados britânicos tentam aceder com frequência a sites pornográficos

Entre junho e outubro do ano passado, registaram-se cerca de 24 mil tentativas de acesso a estes sites a partir do parlamento. Autoridades dizem que maioria das tentativas não é deliberada.

Entre junho e outubro do ano passado, os deputados britânicos tentaram aceder 24.473 vezes a sites pornográficos a partir de computadores ligados à rede do parlamento, de acordo com dados oficiais agora divulgados.

O número aponta para uma média diária de 160 tentativas de acesso por dia. Os computadores e restantes dispositivos são utilizados pelos deputados mas também por funcionários que trabalham no parlamento.

O The Guardian adianta que os dados mostram um pico de tentativas de acesso a sites pornográficos em setembro. Registaram mais de 9.400 tentativas só nesse mês.

Os dados divulgados reportam aos primeiros quatro meses depois das eleições legislativas ganhas por Theresa May e surgem depois de um escândalo sexual no mês passado que levou a primeira-ministra britânica a demitir o seu braço-direito, Damian Green, depois de terem sido encontrados ficheiros com conteúdos pornográficos no computador do seu gabinete no parlamento, em 2008.

Apesar do elevado número de tentativas de ver porno em Westminster, um porta-voz do parlamento disse que a maioria das tentativas não é deliberada. “Os dados mostram tentativas para aceder aos sites, não visitas”.

O que nem poderia acontecer uma vez que a rede do parlamento bloqueia o acesso a este tipo de sites.

 

Fonte: Fábio Nunes

Categorias: DESTAQUE,Internacional

Tags:

Leave A Reply

Your email address will not be published.