Diretor do Fluminense é preso em operação da Polícia Civil

O diretor de marketing do Fluminense, Arthur Mahmoud, foi preso na manhã desta segunda-feira (11) pela Polícia Civil do Rio de Janeiro.

De acordo com o canal “Globo News”, a detenção aconteceu pela segunda fase da operação “Limpidus”, deflagrada após investigações da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática em conjunto com o Ministério Público e com o Juizado Especial do Torcedor.

Além de Mahmoud, foram detidos Leandro Schilling, chefe da Imply, empresa de ingressos, e Alesson Galbão de Souza, presidente da Torcida Organizada Raça Fla, do Flamengo.

A investigação tem como foco a relação entre clubes de futebol e a distribuição de ingressos para membros de torcidas organizadas.

 

Categorias: Brasil,DESTAQUE

Leave A Reply

Your email address will not be published.